fechar
filmes-para-estudar-historia-memorial-da-resistencia

Às vezes, só a parte teórica não nos faz absorver um conteúdo por completo, principalmente quando se trata das aulas de História. Por isso, que tal dar uma pausa nas apostilas, preparar uma pipoquinha e um refri bem gelado para aprender diretamente do seu sofá assistindo a um bom filme? Vem ver nossa lista com os oito melhores filmes que vão te ajudar a entender com mais clareza alguma fases da história do Brasil!

Carlota Joaquina, Princesa do Brasil (1995) – IMDb

Marieta Severo vive Carlota Joaquina, esposa do príncipe D. João de Bragança, que para escapar das tropas napoleônicas em 1807, se transferem de Portugal para o Rio de Janeiro às pressas, e aqui vivem exilados por 13 anos. Misturando sátira com história, conhecemos um pouco mais sobre a monarquia portuguesa, elevação do Brasil Colônia a império ultramarino e posteriormente, a reino unido com Portugal.

Mauá – O Imperador e o Rei (1999) – IMDb

Irineu Evangelista de Sousa, empreendedor gaúcho mais conhecido como barão de Mauá, é considerado o primeiro grande empresário brasileiro, responsável por uma série de iniciativas que modernizou a economia nacional ao longo do século XIX. Dirigido por Sérgio Rezende, vemos a infância, enriquecimento e falência de Mauá, e o que isso acarretou ao Brasil no período de Império (1822-1889).

Guerra de Canudos (1997) – IMDb

Também dirigido por Sérgio Rezende, é baseado na Guerra de Canudos, quando o exército brasileiro enfrentou os integrantes de um movimento religioso liderado por Antônio Conselheiro, figura bastante conhecida após a Proclamação da República, que acreditava ser um enviado por Deus para acabar com as diferenças sociais. O filme mostra a situação do Nordeste brasileiro no final do século XIX, e lida com temas como fome, seca, miséria, violência e abandono político, principalmente em Belo Monte, região onde os seguidores de Conselheiro fundaram o povoado de Canudos.

Olga (2004) – IMDb

Olga Benário, interpretada por Camila Morgado, é uma militante comunista que é perseguida pela polícia e foge para Moscou, onde faz treinamento militar e é encarregada de acompanhar Luís Carlos Prestes ao Brasil para liderar a Intentona Comunista, tentativa de golpe contra o governo de Getúlio Vargas em nome da Aliança Nacional Libertadora. Com o fracasso do movimento, ambos são presos e Olga é deportada para a Alemanha nazista, onde acaba tendo sua filha em um Campo de Concentração e depois, executada na Câmara de Gás.

Chatô, O Rei do Brasil (2015) – IMDb

Figura pouco conhecida, Assis Chateaubriand foi um magnata da comunicação, responsável por um conglomerado de mais de cem jornais, emissoras de rádio e TV, revistas e agências telegráficas no Brasil, entre 1930 e 1960. O filme sobre o fundador do Masp – Museu de Arte de São Paulo – e responsável pela chegada da TV no País mostra de maneira romantizada toda a sua vida, desde criança até seu auge e posterior morte. É baseado no livro de mesmo nome, escrito por Fernando Morais e apresenta a evolução da mídia no Brasil.

Getúlio (2014) – IMDb

Filme dramático e biográfico, “Getúlio” percorre os últimos 19 dias da vida de Getúlio Vargas, ex-presidente do Brasil, período em que fica isolado no Palácio do Catete, enquanto a oposição o acusa de ser o mandante do atentado contra o jornalista Carlos Lacerda, que publicava várias acusações contra ele em seu jornal, Tribuna da Imprensa. Bastante interessante para conhecer o período atordoado que foi o final de seu mandato, assim como parte da sua intimidade e relações pessoais.

Zuzu Angel (2006) – IMDb

Outro drama biográfico dirigido por Sérgio Rezende, que conta a história de Zuzu Angel, famosa estilista brasileira, mãe de Stuart Angel Jones, forte militante contra a ditadura militar, desaparecido na virada para os anos 70. O filme se baseia na luta de Zuzu para recuperar o corpo do filho, envolvendo até mesmo os Estados Unidos e termina com sua morte, em um acidente de carro forjado pelos militantes do exército ditatorial.

Vlado – 30 anos depois (2005) – IMDb

Feito do ponto de vista de Batista de Andrade, no formato de documentário, conta a história do jornalista Vladimir Herzog, assassinado na prisão em 1975 durante o regime militar brasileiro. A linha do tempo do filme é construída por depoimentos de pessoas que conviveram com ele, em vários momentos de sua vida. É interessante para conhecer um pouco mais sobre as torturas na época da ditadura.


Você já conhece o Quero Bolsa? É um site que oferece bolsas de estudo para mais de 1000 faculdades no Brasil todo e você não precisa pagar nenhuma taxa de renovação. Clique aqui para ver e garantir agora mesmo uma super bolsa para o segundo semestre! \o/

Texto originalmente postado na Revista Quero Bolsa, no dia 17/04.
Tags : featured
Kemen Wellisson

Sobre Kemen Wellisson

Kemen é um futuro bibliotecário, começou seu vicio por leitura desde cedo com revistas e mais tarde descobriu seu verdadeiro amor nos livros, sobretudo os de fantasia.

Responder