fechar
Lifestyle

CARNAVAL 2017: A importância da prevenção nos dias de folia

preservativos

O carnaval mal chegou, mas a animação já está tomando conta da população. Neste último final de semana foram mais de 700 mil foliões apenas na região de Pinheiros, em São Paulo, um número 3 vezes maior que o esperado. E no meio de tanta festa, é preciso se cuidar e se prevenir para poder curtir a folia sem preocupação.

 

São nestes dias de festa os mais jovens tendem a deixar os cuidados de lado e acabam expostos a diversos tipos de doenças transmissíveis. Justamente para evitar estes descuidos e conscientizar a população, 250 agentes de saúde estarão distribuindo 500 mil camisinhas e orientando o público durante este período de festa.

 

Aliado a estes esforços, a bi farmacêutica Bristol Myers-Squibb em parceria com ONGs e o Instituto Cultural Barong irá realizar testagens gratuitas de HCV e conscientização sobre a importância do sexo seguro.

 

Causadas pelos vírus HIV e HCV, a Aids e a Hepatite C, quando presentes em conjunto no organismo, promovem a evolução mais rápida da Hepatite C e, consequentemente, aceleram quadros de fibrose hepática e câncer de fígado. A transmissão do vírus HCV ocorre por meios de contaminação extremamente parecidos com os do HIV e, segundo o ex-presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Érico Arruda, pode estar presente em cerca de 12% dos portadores de Aids.

 

As ações irão ocorrer na Avenida Paulista, Vila Madalena e Itaquera, programa-se:

 

Campanha Lembre-C

Local: Conjunto Nacional – Avenida Paulista 2.073

Data: 22 a 24 de fevereiro de 2017

Hora: 12h às 20h

 

Local: Vila Madalena – Rua Purpurina, 53

Data: 27 de fevereiro de 2017

Hora: 14h às 19h

 

Local: Itaquerão na Folia – Praça da Estação, Centro de Itaquera – 15h as 19h terça feira 28/02

Data: 28 de fevereiro de 2017

Hora: 15h às 19h

Tags : Carnaval 2017
Matheus Malex

Sobre Matheus Malex

22 anos, estudante de jornalismo e considerado uma pequena bagunça. Sabe quando tu tenta abraçar o mundo com os braços e quer fazer tudo de uma vez: então, eu. Não espere um padrão.